Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Audiência na segunda (18/06) debate mobilização por R$200 milhões para hospital regional

Audiência na segunda (18/06) debate mobilização por R$200 milhões para hospital regional

Publicado em 15/06/2018.
Iniciativa partiu do vereador Marcus Cunha (PDT)
Audiência na segunda (18/06) debate mobilização por R$200 milhões para hospital regional

Imagem: Assessoria de imprensa

           A mobilização municipal, estadual e federal para concluir a obra do Hospital Escola Regional 100% SUS, estimada em R$ 200 milhões, será tema de debate na segunda-feira, 18/06, às 14h, na Câmara de Vereadores de Pelotas. O projeto já está em andamento, com as obras do Bloco 3, para atender o setor de Oncologia, e que necessitam de R$ 6 milhões para sua finalização. Para o vereador Marcus Cunha (PDT), da Frente Parlamentar dos |Vereadores da Zona Sul, a presença da comunidade vai incentivar representantes da região a lutar pelos recursos junto ao governo federal.

Estão confirmadas as presenças do deputado federal Pompeo de Mattos (PDT), que criou no Congresso a Frente Parlamentar em Defesa da Construção do Hospital Escola Regional 100% SUS, do deputado estadual Zé Nunes (PT), que integra a Comissão de Saúde e Meio-Ambiente da Assembleia Legislativa do Estado, o secretário municipal de Saúde de Piratini, Diego Espíndola, que preside o Conselho de Secretários Municipais de Saúde do RS, representantes do Ministério da Saúde, da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, EBSERH, a superintendente do Hospital Escola, Vera Maria Freitas da Silveira, e representantes da Universidade Federal de Pelotas.

Para a superintendente do HE, a mobilização é fundamental para que a obra não pare. “Esta demanda é fundamental para toda nossa região. Somos um hospital de ensino, que forma profissionais de nove cursos da área da saúde. Prestamos assistência de qualidade a pacientes dos municípios de toda região e temos capacidade para ampliar este atendimento com o quadro atual de colaboradores que temos. O que nos falta é um espaço físico adequado e próprio, para que possamos parar de pagar aluguel e investir o recurso na saúde e na educação”, destacou Vera.

A iniciativa partiu do vereador Marcus Cunha, que está viajando por todos os municípios da região em busca de apoio político e já ganhou adesão estadual e nacional, respectivamente, através dos deputados Zé Nunes e Pompeo de Mattos. Os parlamentares acreditam que a mobilização possa garantir verbas do orçamento federal de 2019 para a continuidade da construção do novo Hospital Escola.

As emendas são verbas com destino definido pelos parlamentares para atender demandas urgentes de infraestrutura, saúde e educação, por exemplo. Do valor total anual, 50% deve ser destinado à saúde. A ideia da construção da Frente Parlamentar é convencer os deputados e senadores a escolherem o Hospital Escola como destino destes recursos em 2019.

Texto: Assessoria vereador Marcus Cunha / UFPel

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon

Fique por dentro da rotina